Marty Friedman revela porque não conseguiu vaga na banda de Ozzy Osbourne

Marty Friedman participou de uma sessão de perguntas e respostas do “Metalmania III” do Rock ‘N’ Roll Fantasy Camp em Los Angeles, onde ele falou sobre sua audição para a banda de Ozzy Osbourne no final dos anos 1980. Ele disse:

“Eu falhei miseravelmente. Acho que provavelmente foi por causa da minha aparência.

Na verdade, recebi um telefonema de Sharon Osbourne há muito tempo, e eu estava morando em São Francisco, e eles disseram: ‘Gostaríamos de levar você para fazer um teste para Ozzy. E eu pensei, ‘Oh meu Deus. Isso é ótimo.’ Eu era praticamente um sem-teto na época, morava com minha namorada na época e cuidava do aluguel e tudo mais, como fazem os músicos de rock da Califórnia. E fiquei muito feliz em receber a ligação. Então aprendi a música, fui para Los Angeles. – eles me levaram para Los Angeles para tocar com a banda. E eram, eu acho, os caras que estavam na banda na época. E eu pensei que toquei tudo perfeitamente bem, e achei que soava ótimo. Todo mundo estava bastante amigável. Mas nossas imagens eram muito diferentes. Aqueles caras da banda eram, tipo – era como um ensaio, e eles estavam totalmente enfeitados com a Sunset Strip dos anos 1980 – como você chama isso? – camisetas com caveiras e algemas e colares longos. E eles estavam prontos para sair na Strip, e eu só estava de jeans e camiseta, totalmente normal. Eu só pensei que… Era só um ar diferente. Não era como esses três os caras vão se reunir e se divertir, mesmo que pareça bom, pensei. Quer dizer, pensei que toquei tudo corretamente.

Estar em uma banda é muito mais do que tocar. E, na verdade, tocar está no final da lista. Se você tem o mesmo tipo de vibração com as pessoas, você pode sentir o cheiro: ‘Esse é o cara com quem eu quero sair.’ E era diferente nesse nível… Eles cheiravam a Los Angeles e eu cheirava a São Francisco, que era um cheiro diferente. Nenhum de nós cheirava muito bem. Mas eles eram legais. Todo mundo tocava tudo muito bem. Eles estavam fazendo testes com milhares de caras. Então Eu não entendi.

Uma banda é apenas… é mais uma questão de personalidade entre as pessoas. Porque há tantos grandes músicos que podem tocar em todos os shows, você entende o que quero dizer? consegui o emprego, mas provavelmente estavam se preparando para voltar a beber, e eu não sou um grande bebedor, então não teria ficado tão bem. Mas na época eu estava, tipo, ‘Oh, Joguei perfeitamente. Por que não me ligaram de volta?’ Mas eu entendo [agora].”

O vídeo feito por TheSilverdude, pode ser visto abaixo.

Marcio Machado

Formado em História pela Universidade Estadual de Minas Gerais. Fundador e editor do Confere Só, que começou como um perfil do instagram em 2020, para em 2022 se expandir para um site. Ouvinte de rock/metal desde os 15 anos, nunca foi suficiente só ouvir aquela música, mas era preciso debater sobre, destrinchar a obra, daí surgiu a vontade de escrever que foi crescendo e chegando a lugares como o Whiplash, Headbangers Brasil, Headbangers News, 80 Minutos, Gaveta de Bagunças e outros, até ter sua própria casa!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.