Sharon Osbourne tentou tirar a própria vida após descobrir caso de Ozzy

Sharon Osbourne falou durante apresentação no “Sharon Osbourne: Cut The Crap”, e relatado pelo Mirror, que após saber de um caso específico que seu marido e cliente, Ozzy Osbourne, estava tendo, tendou tirar sua própria vida. Ela comenta:

“Ele sempre teve groupies e eu estava muito acostumada com isso. Mas quando ele sabe o nome da pessoa, onde mora e onde trabalha… é uma coisa totalmente diferente porque você está emocionalmente envolvido. Tomei não sei quantos comprimidos.

Eu apenas pensei: ‘Meus filhos são mais velhos. Então tomei uma overdose e me tranquei no quarto. A empregada tentou entrar para limpar o quarto e me viu.”

Em 2016, Ozzy e Sharon tiveram problem conjugais após o caso do cantor com a cabelereira Michelle Pugh vir a tona. Na ocasião, Ozzy passou por terapida para o vício e sexo e tempos depois o casal reatou a relação, com direito a renovação dos votos.

“Eu gostaria de não ter feito essa coisa estúpida que fiz, e essa é a verdade, porque você nunca sabe o que tinha até perder. “

Em 2017, Sharon disse ao jornal britânico The Telegraph que Ozzy não estava traindo com apenas uma mulher:

“Havia seis delas. Uma maldita adolescente russa… depois uma massagista na Inglaterra… nossa massagista aqui em Los Angeles… e depois nossa cozinheira. Ele tinha mulheres em países diferentes. Basicamente, se você é uma mulher dando pro Ozzy, uma massagem nas costas ou um carrinho de comida, Deus te ajude.”

Sharon falou sobre como ela soube de seus casos:

“Estávamos sentados no sofá assistindo televisão; Ozzy em um sofá e eu no outro. E de repente, ele me enviou este e-mail. ‘Por que você me enviou esse e-mail estúpido?’ Eu perguntei, e quando Ozzy me disse que não tinha me enviado nada, peguei o telefone dele e disse: ‘Olha!’ E, claro, era uma mensagem destinada a uma de suas malditas mulheres.”

Marcio Machado

Formado em História pela Universidade Estadual de Minas Gerais. Fundador e editor do Confere Só, que começou como um perfil do instagram em 2020, para em 2022 se expandir para um site. Ouvinte de rock/metal desde os 15 anos, nunca foi suficiente só ouvir aquela música, mas era preciso debater sobre, destrinchar a obra, daí surgiu a vontade de escrever que foi crescendo e chegando a lugares como o Whiplash, Headbangers Brasil, Headbangers News, 80 Minutos, Gaveta de Bagunças e outros, até ter sua própria casa!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.